Benefícios da Jurubeba para o fígado

Jurubeba previne doenças do fígado
Uma planta que faz a diferença - 
A Jurubeba é uma pequena árvore da família das Solanceae que cresce a 3 metros em altura, podendo chegar a 5 metros, comum no Norte e Nordeste do Brasil e outras partes tropicais de América do Sul.

Tipos de Jurubeba: macho e fêmea.
Os principais nomes populares são: Jurubeba, Jurubeba-verdadeira, Jupeba, Juribeba, Jurupeba, Gerobeba e Joá-manso. O nome vulgar deriva do tupi "yú", espinho, e "peba", chato.

Os componentes ativos da jurubeba foram documentados na década de 60 quando pesquisadores alemães descobriram novos esteroides, saponinas, glicosídeos e alcaloides nas raízes, caule e folhas. Os alcaloides foram encontrados em maior abundância nas raízes, enquanto que nas folhas encontram-se as maiores concentrações de glicosídeos.

Principais Substâncias:

Alcalóides (solamina, solanidina, solasodina), saponinas, esteroides nitrogenados (paniculina, jurubina), agliconas (isojurubibina, isopaniculidina, isojurupidina e jurubidina), ácidos graxos, ácidos orgânicos, glicosídeos (paniculoninas A e B), mucilagens, resinas (juribina e jurubepina), princípios amargos.

Nome Cientifico:
Solanum paniculatum

Caracteristicas:
Apresentam muitas vezes espinhos nos caules e nas folhas. As flores podem ser roxa ou albas os frutos são pequenas esferas verdes.

Utilidades:
Indicada para os casos de problemas no figado, e como diurética. As folhas são empregadas como cicatrizante para pele. Tônico para músculos, nervos, cérebro, aparelho digestivo. Abcesso, doenças do baço, colecistite, cólica hepática, tumores.

Forma de Uso:
Flores, Folhas e frutos. Raizes em alguns casos.

Chá dos frutos (30 g para 1 litro de água). Tomar 4 xícaras ao dia
Benefícios da Jurubeba para o fígado Benefícios da Jurubeba para o fígado Reviewed by Redação on setembro 05, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.